COMITÊ DE MEDICINA ESPORTIVA DEBATEU LESÕES OCORRIDAS NA COPA DO MUNDO 2018

 

Edição reuniu maior público de 2018

No último dia 07 de agosto foi realizada a 5ª edição do Comitê de Medicina Esportiva 2018. O encontro, que é uma realização da SBRATE/SBOT-RJ,ocorreu no Colégio Brasileiro de Cirurgiões (CBC), em Botafogo e contou com a presença de mais de 140 pessoas – o maior público dos comitês realizados esse ano. Com foco em lesões ocorridas na Copa do Mundo 2018, esta edição recebeu ícones da medicina do esporte: médicos, fisioterapeutas e educadores físicos de grandes times do Rio de Janeiro.

Entre os convidados especiais, responsáveis por comandar as aulas e discussões do encontro, estava o fisiologista da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Dr. Guilherme Passos, um dos responsáveis pela análise dos jogadores na Granja Comary. Ele apresentou como é feita a avaliação dos atletas quando se apresentam para a delegação brasileira e mostrou, também, como é realizada a relação entre CBV e clubes através de relatórios após cada convocação.

Já o outro convidado, Dr. Rodrigo Góes, também membro do Comitê de Medicina Esportiva da SBOT-RJ, que foi o moderador e apresentador dos casos de discussão, destacou a queda no número de lesões dos atletas e relacionou esse fato com a evolução do tratamento preventivo.

Um dos organizadores do Comitê, o Dr. Felipe Malzac, comentou sobre a qualidade da reunião. “Até o momento foi o encontro mais cheio do ano. Estamos recebendo excelente feedback dos presentes, elogiando o modelo de apresentação e o alto nível de discussão dos casos”, declarou.

A lesão do atleta egípcio foi uma das contusões discutidas pela mesa, assim como a lesão muscular em posterior de coxa, que se apresentou como a lesão mais frequente no campeonato. Outras lesões comuns foram: concussão e joelho, panturrilha e tornozelo cabeça e ombro, entre outras.

Entre os debatedores convidados estavam: Dr. José Luiz Runco, ex-chefe médico da Seleção Brasileira de Futebol; Dr. Gustavo Caldeira, do Flamengo FC; Dr. Rodrigo Furtado, do Vasco da Gama FC; Dr. Ricardo Bastos, do Botafogo FC e Dr. Ricardo Oliveiro, do Fluminense FC.